Brasileiro desaprova comportamento de Bolsonaro na pandemia do covid-19

A avaliação positiva do governo Bolsonaro oscilou negativamente dois pontos percentuais, de acordo com pesquisa CNT/MDA divulgada, nesta terça, 12. Antes a avaliação positiva era de 34,5% e caiu para 32%. Por outro lado, a avaliação negativa do governo cresceu mais de 10 pontos percentuais, segundo a mesma pesquisa, saindo de 31% para 43,4%. E este é o detalhe mais importante da pesquisa que tem 2,2% de margem de erro e 95% da margem de confiança.

O levantamento feito pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) em parceria com o instituto MDA, foi realizado no período entre 7 e 10 deste mês e avalia o impacto do comportamento de Bolsonaro e seu governo em meio à pandemia do coronavírus.

A pesquisa que ouviu 2.002 pessoas em quase 500 municípios, principalmente em regiões metropolitanas de 25 estados da federação, apontou ainda que 55,4% dos entrevistados desaprovam o desempenho pessoal do Presidente, notadamente, seu comportamento em relação à pandemia. Por exemplo, participar de aglomerações (em manifestações a favor de seu governo), não usar máscara e apertar a mão das pessoas, nestas manifestações, além do embate com governadores.

Em janeiro, mês da última medição, a aprovação pessoal dele era de 47,8. A pesquisa completa você pode acessar no link da CNT.


Postar um comentário

Que tal deixar um comentário?

Postagem Anterior Próxima Postagem